segunda-feira, 11 de março de 2013

Cardeal Scola: “Peçamos ao Espírito Santo os seus 7 dons, para que seja escolhido o homem justo”.


Cardeais celebram missa em várias igrejas de Roma neste domingo, 10.
Cardeal Angelo Scola   - Foto: Clarissa Amaral/ CN Roma.

Os cardeais eleitores, como também aqueles que não participarão do Conclave por terem atingido a idade limite de 80 anos, celebram neste domingo, 10, ao longo do dia, nas respectivas igrejas das quais são titulares. Um deles foi o Cardeal Angelo Scola, arcebispo de Milão (Itália), que presidiu a missa dominical na Basílica dos Santos Apóstolos, em Roma, às 9h. Ao final da celebração, Scola fez referências ao Conclave que se inicia no próximo dia 12, pedindo aos fiéis que intensifiquem as orações.
“Cada um deve assumir a responsabilidade de rezar pelo Conclave, independente daquilo que exerça [...]. Peçamos ao Espírito Santo os seus sete dons, para que seja escolhido o homem justo”, destacou.
Pouco antes da celebração, Scola recolheu-se em um breve momento de oração, o que não passou despercebido pelos jornalistas e fotógrafos que o aguardavam .
scol
Cardeal Angelo Scola celebrou neste domingo, 10, às 9h, a Santa Missa na Basílica dos Santos Apóstolos, em Roma
Ainda na reflexão, precedida em várias partes pela expressão “Queridos irmãs e irmãos – e não pela expressão “Queridos irmãos e irmãs” que é comumente utilizada –, o prelado ressaltou que o amor de Deus “não tem medo da liberdade de cada ser humano”, já que, segundo ele, é a partir da referida liberdade que o homem chega a Deus.
“Somente na liberdade se chega ao reconhecimento do amor do Pai. A nossa fraqueza não apaga o fato de sermos filhos”, disse.
O que são as Igrejas titulares?
O cardeal, quando é nomeado, recebe o título de uma das igrejas de Roma apesar dele não desenvolver nelas nenhum tipo de função. Isso simboliza que cada cardeal é colaborador direto do Sumo Pontífice e é um suporte ao Papa no desenvolvimento de suas atividades pastorais.
Homilia
Refletindo sobre o Evangelho deste domingo que fala da famosa passagem do filho pródigo, o prelado concentrou sua homilia referindo-se à misericórdia de Deus que, segundo ele, é a motivação para que cada fiel não perca a esperança.
“Nós não somos inocentes, mas pecadores redimidos. Por isso, podemos recomeçar a cada dia”, destacou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário